Porto | Portugal | jruicorreia@gmail.com

[Praia da Memória - Perafita, Maio2018]

...10Maio2018...

"Célestine"


"Há quem tome comprimidos para a diabetes, para o coração, para o colesterol... Há também quem tome comprimidos para morrer e quem tome comprimidos para matar. Há ainda quem não tome comprimidos, nem para a diabetes, nem para o coração, nem para o colesterol, nem para morrer ou para matar. Provavelmente, só para sobreviver...

Até que as pedras se tornem mais leves do que a água, como diz António Lobo Antunes. Ou até que uma nova alma húmida seja capaz de nos resgatar de certa solidão existencial.

Enfim, deverei tomar algum comprimido para não morrer?"