Porto | Portugal | jruicorreia@gmail.com

Mundo em redor

[Ílhavo - Julho 2017]

[Jardins do Palácio de Cristal - Julho2016]

«O meu olhar é nítido como um girassol.
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e para a esquerda,
E de vez em quando olhando para trás...
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto,
E eu sei dar por isso muito bem...
Sei ter o pasmo essencial
Que tem uma criança se, ao nascer,
Reparasse que nascera deveras...
Sinto-me nascido a cada momento
Para a eterna novidade do Mundo...»

“Alberto Caeiro”

[Rio Paiva - Arouca - 2016]



[Passadiços do rio Paiva - Arouca - Maio 2016]

[Rio Paiva - Arouca - 2016]

[Valença - Out.2015]


[Ammaia - Cidade romana]

[Marvão-2014]

[São Miguel de Seide-2011]


Não basta abrir a janela
Para ver os campos e o rio.
Não é bastante não ser cego
Para ver as árvores e as flores.
É preciso também não ter filosofia nenhuma.
Com filosofia não há árvores: há ideias apenas.
Há só cada um de nós, como uma cave.
Há só uma janela fechada, e todo o mundo lá fora;
E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse,
Que nunca é o que se vê quando se abre a janela.
"Alberto Caeiro"



[Porto-2010]

«Viajar! Perder países!
Ser outro constantemente,
Por a alma não ter raízes
De viver de ver somente!
Não pertencer nem a mim!
Ir em frente, ir a seguir
A ausência de ter um fim,
E da ânsia de o conseguir!
Viajar assim é viagem.
Mas faço-o sem ter de meu
Mais que o sonho da passagem.
O resto é só terra e céu.»
_Fernando Pessoa_

[Aveiro-2010]

[Rio Cávado - Barcelos - 2009]

[Maia - 2008]

Castro de S.Paio-Labruge-Vila do Conde-2006

"Entre o Céu e a Terra"

S.Paio-Labruge-Vila do Conde-2010


[Labruge-2010...horta junto ao mar]